Design de Interiores: Conheça o “Vira o Disco e Toca o Mesmo”!

design de interiores

Um design de interiores bem conseguido deve refletir um conceito sólido, mas harmonioso, que confira singularidadee comodidade ao espaço que pretende decorar.

Peças de mobiliário originais são elementos cruciais na execução de um projeto de design de interiores de sucesso. Apresentamos-lhe o artigo “Vira o Disco e Toca o Mesmo”!

Este sofá/poltrona da Trinta Por Uma Linha é uma peça de design limpo e simples, concebido com aglomerado negro de cortiça, que confere um visual único ao seu ambiente interior/exterior.

Além de a matéria-prima utilizada proporcionar total comodidade, esta peça incorpora uma almofada em tecido impermeável, o que torna a sua utilização ainda mais confortável.
É ideal para criar um ambiente original e cómodo e para completar o seu projeto de design de interiores. Pode ser conjugada com outras peças, como a mesa de apoio “Segurar a Vela”.

 

“Vira o Disco e Toca o Mesmo”, expressão popular e peça de design de interiores!

Considerado um artigo vintage nos dias que correm, o vinil foi, em tempos, o principal suporte de reprodução musical. O seu funcionamento deu origem à expressão “vira o disco e toca o mesmo”. Explicamos-lhe porquê!

O disco de vinil era composto por dois lados (o lado A e o lado B). Quando o lado A terminava, virava-se o disco e tocava o lado B. Porém, era comum soar no lado B uma música igual ou semelhante à que se ouviu no lado A. Assim se popularizou este ditado popular, associado a situações de repetição.

Após desconstruir a expressão, a Trinta Por Uma Linha reinventou o conceito e criou um sofá/poltrona em aglomerado negro de cortiça, ideal para um projeto bem-sucedido de design de interiores.

 

A tradição portuguesa como base do processo criativo!

A tradição portuguesa dá mote à criação das peças de design da Trinta Por Uma Linha, que se diferencia pela incorporação de expressões populares portuguesas no seu processo criativo.

Com a missão de criar peças de mobiliário portuguesas de corpo e alma, a Trinta Por Uma Linha estuda e analisa a génese de expressões populares e, no seguimento deste trabalho, dá forma às suas peças, espelhando a cultura tradicional.

Mas a portugalidade não se fica pelo conceito baseado nas expressões populares. Tanto a produção como as matérias-primas utilizadas são exclusivamente nacionais, o que valoriza ainda mais qualquer projeto de design de interiores.

A Trinta Por Uma Linha é uma marca portuguesa, com certeza! Subscreva o blog e conheça aquilo que a move.